Colunista

Acontece Play

Indígena é presa durante Grito dos Excluidos em Montes Claros

IH Noticias | 15:15 | 1 comentários

Juvana Petyrhara, uma índia Xakriabá, participava do ato "O Grito dos Excluídos em Montes Claros", Norte de Minas Gerais, quando foi agarrada de forma violenta por entres os alambrados de contenção, arrastada, deitada com o rosto na calçada, algemada e mantida presa com os joelhos dos policiais sobre seu corpo.

No ponto final do ato, que acompanhou o desfile de 07 de setembro, culminou em frente ao palanque, no Centro, onde estava o prefeito da cidade, Ruy Muniz. Debaixo de muitas vaias e gritos da multidão, Muniz foi retirado do local por assessores. Foi nesse momento em que a índia Juvana, estava em frente a grade que distanciava a multidão, segurando um cartaz de cartolina, foi puxada com truculência. 

O policial, que efetuou a prisão, disse que ela teria empurrado a grade, por isso foi preciso “agir usando a força”. O cartaz de cartolina branca da índia dizia: “Somos Todos Guarani-Kaiowás contra o genocídio a mando do agronegócio”.


Wil Correia, em Montes Claros, MG, 35°.
Atualizada por: www.itapetinganahora.com

Category:

1 comentários

Siga-nos no facebook

Itapetinga Acontece No Facebook - Você tambem pode curtir isso!