Colunista

Acontece Play

Justiça nega liberdade a Cerveró

IH Noticias | 15:07 | 0 comentários


A  Federal recusou o pedido de liberdade do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, que foi preso na madrugada da quarta-feira (14) quando voltava de uma viagem à Europa.

Com isso, ele deve continuar detido na superintendência da Polícia Federal em Curitiba até que haja ordem contrária.

Em decisão emitida no início da noite desta sexta (15), o desembargador João Pedro Gebran Neto, do TRF (Tribunal Regional Federal) em Porto Alegre, afirmou que os "graves riscos à ordem pública e à aplicação da lei penal" justificam sua prisão preventiva.

"Por mais que viajar ao exterior, sacar recursos de aplicação financeira, vender ou doar imóveis, isoladamente sejam fatos

A principal motivação da detenção de Cerveró, que já é réu da Operação Lava Jato sob acusações de lavagem de dinheiro e corrupção, é a movimentação financeira recente de seus ativos. O ex-diretor tentou sacar cerca de R$ 400 mil de uma previdência privada e transferiu imóveis aos filhos.
A defesa de Cerveró havia argumentado que o decreto de prisão se fundamentava em "premissas falsas". Para seus advogados, seus movimentos foram legais, declarados às autoridades competentes e não caracterizam desejo de não se sujeitar à lei.
Gebran Neto, porém, considerou "no mínimo estranho" que o ex-diretor tente "dilapidar seu patrimônio pessoal no momento em que envolto em investigações criminais".

O Globo

Category:

0 comentários

Siga-nos no facebook

Itapetinga Acontece No Facebook - Você tambem pode curtir isso!